Como são avaliados os quesitos no Carnaval do Rio de Janeiro?

Após a alta de casos da covid-19 ter causado um grande atraso no Carnaval do Rio de Janeiro, as escolas de samba do Grupo Especial estão prontas para desfilar pelo Sambódromo da Marquês de Sapucaí entre os dias 22 e 23 de abril. Assim como em todos os anos, a festa é muito esperada pelos foliões e sobretudo para quem estará participando do desfile.

Outro momento que gera muitas expectativas é a divulgação das notas dos jurados — números que definem quem se consagrará a nova escola campeã do Rio de Janeiro. Os quesitos sempre estão lá escritos para todo mundo ver, mas será que você sabe como eles são julgados? Pensando nisso, nós nos aprofundaremos nesse tema durante os próximos parágrafos. Olha só!

Livro de regras

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Em primeiro lugar, é preciso ter em mente que todos os anos um grupo de jurados é selecionado pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) para julgar a apresentação de quem irá desfilar e dar suas notas sobre cada quesito. Como base, os jurados deverão usar o Manual do Julgador, criado pela própria Liesa, para avaliar as agremiações. 

Isso evita com que existam notas tão discrepantes assim e que os jurados sejam parciais. Além disso, o Carnaval do Rio de Janeiro conta com uma certa “matemática” de descartes de notas, trazendo mais equidade para a competição.

Cálculo de notas

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Ao todo, o Carnaval do Rio de Janeiro possui nove quesitos que serão levados em consideração para julgar as escolas de samba. Cada jurado poderá distribuir notas que vão de 9 a 10 para cada quesito, sendo o valor mais alto atribuído para as escolas que alcançaram a perfeição naquela categoria e vice-versa. 

No Carnaval carioca, as notas variam em casas decimais como 9,1; 9,2; 9,3 e por aí vai. Uma escola pode perder pontos em determinada categoria por não cumprir o número exato de ritmistas na bateria, apresentar nudez nos representantes, levar animais para a apresentação ou simplesmente falhar em qualquer outro critério do Manual.

É importante ressaltar que cada agremiação possui um tempo mínimo de 60 minutos para desfilar pela Sapucaí e máximo de 70 minutos. Cada minuto faltante ou estourado resulta na perda de um décimo.

Categorias avaliadas

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Como dito anteriormente, serão nove categorias avaliadas durante o tempo de apresentação de cada escola de samba — cada qual com sua particularidade. São elas:

  • Harmonia: os jurados devem avaliar se existe igualdade no canto do samba-enredo pelos componentes da escola em consonância com o intérprete. Alas que não estiverem cantando, errarem a letra ou cantarem fora do tom estarão prejudicando suas agremiações;
  • Samba-enredo: nesse quesito, letra e melodia são avaliadas separadamente. Uma boa letra deverá estar adequada ao enredo, ser rica poeticamente, bela e de bom gosto. Já a melodia deverá se encaixar nas características rítmicas do samba e facilitar o canto e a dança dos envolvidos;
  • Bateria: o grupo será julgado pela sua versatilidade e criatividade, além da perfeita conjugação dos sons dos instrumentos. Uma boa bateria também deve estar em consonância com o samba-enredo;
  • Alegoria: nesse quesito, é analisado se os carros da escola de samba estão bem acabados, se são pertinentes ao enredo e se estão sendo realizados de maneira correta;
  • Comissão de Frente: fantasias e coreografia são os temas principais desse quesito. Além disso, os participantes devem ter a capacidade de impactar o público;
  • Enredo: esse quesito é julgado por sua concepção e realização. Sendo assim, é importante que a escola traga um tema importante e com densidade cultural. Por fim, toda essa história precisa ser contada através das alegorias, fantasias e outros elementos expositivos;
  • Fantasia: as fantasias são julgadas pelas suas riquezas de cores, criatividade e riqueza de informação transmitida;
  • Mestre-sala e porta-bandeira: o casal que representa a escola é julgado pela sua graça, leveza e majestade. Além disso, devem estar em sintonia apresentar uma sequência de movimentos coordenados;
  • Evolução: aqui é julgado a fluência da apresentação. Espaçamento devido entre setores da agremiação, espontaneidade, criatividade, empolgação e vibração do desfile são pontos importantes. Buracos na avenida e atrasos são descontados nessa categoria.

More in Fatos&Fatos.com